Presidente da Fenae participa de encontro das centrais sindicais com Lula

Por Elizeu Junior

Presidente da República destacou a importância dos sindicatos para garantir os direitos dos trabalhadores

O presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Sergio Takemoto, participou do encontro do presidente Lula com as centrais sindicais, nesta quarta-feira (18).

“O governo Jair Bolsonaro nunca recebeu as centrais sindicais, o que prova o desprezo pelos trabalhadores e seus direitos. Com Lula, vamos voltar a dialogar para garantir direitos e novas conquistas. É um grande passo para as mudanças que queremos”, avaliou Takemoto.

Entre as demandas apresentadas pelos sindicalistas estão o reajuste do salário mínimo, a revogação de pontos da reforma trabalhista, uma reforma tributária solidária e mudanças na estrutura sindical.

O presidente Lula anunciou que vai criar um grupo de trabalho para discutir uma política permanente de valorização do salário mínimo. Ele afirmou que o desejo do governo é garantir os direitos dos trabalhadores, além de um sistema de seguridade social que os proteja. “Nós vamos precisar construir porque se a gente construir junto fica mais difícil desmanchar”, disse, ao criticar os ataques trabalhistas durante o governo de Jair Bolsonaro (PL).

Lula ressaltou a importância dos sindicatos neste processo. “Essa gente acha que o mundo moderno não precisa de sindicato. E a democracia, quanto mais séria, mais ela precisa de sindicato forte e organizado para bem representar os direitos dos trabalhadores”, destacou.

Entre as centrais sindicais estavam a Central Única dos Trabalhadores (CUT), Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), União Geral dos Trabalhadores (UGT), Força Sindical, Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), Intersindical Central Sindical e Central Conlutas.

Informações retiradas na íntegra do site da Fenae

Gostou do post? compartilhe com seus amigos:

WhatsApp
Facebook
LinkedIn
Email
Telegram

Deixe um comentário